Vocação

Todos os cristãos possuem uma vocação, seja para constituir uma família, seja para viver exclusivamente para Deus ou para dedicar a vida a uma missão específica. A verdade é que todos nós somos chamados a fazer algo em nossas vidas. Ela é um chamado de Deus para que o ser humano se realize plenamente como pessoa humana. É um gesto amoroso de Deus que busca a plena humanização da pessoa, visando a construção do Reino de Deus.

A primeira vocação do ser humano, a que podemos chamar de vocação fundamental, é o chamado de cada pessoa à vida, a ser filho de Deus, a ser cristão, a ser Igreja. É um chamado a desenvolvermos, de forma plena, todas as nossas potencialidades.  A partir dessa vocação fundamental surgem as vocações específicas.

É a vocação específica que vai nos dar os meios para que possamos realizar a nossa vocação fundamental. Podemos classificar a vocação específica em três modalidades: vocação laical, religiosa e sacerdotal.

A vocação laical deriva dos sacramentos do batismo e da crisma, é a vocação do cristão comprometido com a construção do Reino de Deus no meio onde ele vive. Vivendo no mundo como solteiro, casado ou consagrado são fermento na massa, sal e luz do mundo.

A vocação religiosa é assumida por homens e mulheres que foram chamados a testemunhar Jesus Cristo de uma maneira radical. É a entrega total da própria vida a Deus. Os religiosos são pessoas consagradas a Deus, que abraçam os conselhos evangélicos através dos votos de castidade, pobreza e obediência para tornarem-se sinal da presença de Cristo no mundo.

A vocação sacerdotal é um chamado especial de Deus a assumir um ministério hierárquico na Igreja a serviço dos irmãos. O sacerdócio ministerial, pelo poder conferido, forma e rege o povo sacerdotal, realiza o Sacrifício Eucarístico na pessoa de Cristo e O oferece a Deus em nome de todo o povo (LG 28).

Durante os domingos do mês de agosto lembramos e rezamos por cada uma das vocações: vocação sacerdotal (dia do padre); vocação ao matrimônio (dia dos pais); vocação religiosa (vida consagrada); vocação do cristão leigo na Igreja – dia do catequista (vocação laical). Unidos na oração queremos pedir as luzes do Espírito Santo, para que cada cristão possa descobrir sua vocação específica e colaborar na construção do Reino de Deus.

Frei Luís Fernando Negrão, OCD

Deixe uma resposta

Informativo – Jul/2017


Cadastre-se para receber nossas notícias: